quarta-feira, 19 de março de 2014

Com novos voos, Ceará amplia promoção no exterior

Buenos Aires, Miami, Frankfurt. O Ceará aposta nos novos voos que começam a ser operados em breve para garantir a ampliação do fluxo de visitantes internacionais. “A Tam inicia o voo entre Fortaleza e Miami em 31 de maio, e a Gol passa a voar para Buenos Aires a partir da capital cearense em 10 de maio”, ressalta o secretário adjunto da Setur-CE, Marcos Pompeu. A Condor, durante a ITB, em Berlim, anunciou um voo semanal entre Frankfurt e Fortaleza que começa em 20 de junho e se estende até abril de 2015.

Apesar das novas ligações, o estado quer mais, quer ir além. “Estamos tentando convencer a Alitalia e retomar as operações para Roma, que acabaram sendo suspendidas em 2013”, afirma Pompeu. LEIA MAIS
E para garantir aeronaves cheias e atrair cada vez mais turistas, o destino investe pesado em promoção. Além de estar entre o cooperado da Embratur, o Ceará participa da BTL 2014 com um estande próprio, de 55 m². O espaço faz parte dos investimentos oriundos do Prodetur Nacional. Após priorizar obras de infraestrutura – muitas já concluídas e outras em processo finalização – o destino conseguiu reservar parte da verba para ações de promoção e marketing. Em oito anos (2007/2014), o montante investido no turismo do estado alcançará a marca de R$ 2,2 bilhões.

Para os próximos meses já estão confirmados 12 Encontros Comerciais, sendo nove na Europa e três nas Américas. Ações em aeroportos europeus também fazem parte da lista de atividades a serem executadas.


BRICS – A inauguração do Centro de Eventos (CEC) do Ceará foi um marco para o destino e responsável por um boom na realização de grandes eventos - acima de três mil participantes - no estado. Logo após a Copa do Mundo de 2014, o CEC vai sediar, entre os dias 15 e 16 de julho, o Encontro do BRICS. Na ocasião, cinco chefes de estados estarão presentes em Fortaleza, assim como a mídia internacional.


De acordo com levantamento da Setur-CE, das 128 atividades realizadas em 2013, 58 foram deste tipo. As médias (público entre mil e três mil pessoas) e as pequenas (até mil participantes) foram 38 e 32, respectivamente. O público total foi estimado em 766.020, sendo 507.755 (66,28% do fluxo) de participantes de eventos nacionais e/ou internacionais. Os locais foram 258.265, ou 33,72% do total

FONTE: http://www.mercadoeeventos.com.br/ 

Nenhum comentário:

Postar um comentário