sexta-feira, 28 de março de 2014

Polícia controla princípio de rebelião em Aracati

A Polícia Militar controlou o princípio de rebelião na Cadeia Pública de Aracati. A revolta dos detentos teria começado por volta das 20h30 desta quinta-feira (27), quando três presos , identificados pela PM, começaram o tumulto. Acionada, equipes de policiais do Ronda do Quarteirão e também do COTAR estiveram no local. A PM isolou a área em torno da Cadeia Pública. CONTINUE LENDO
Segundo o delegado regional Tony Pereira, o motivo inicial da revolta teria origem na falta de água no prédio. “Inicialmente teria sido por conta da ausência de água no prédio, em razão das obras que estão sendo realizadas na cidade. Mas depois foi percebido que foi apenas uma exaltação momentânea, mas que já foi contida”, disse.

Ainda de acordo com o delegado, os presos reclamam da ausência de alimentação adequada e do direito de visitas. Para conter a saída dos presos, a PM efetuou disparos de balas de festim.


Três presos já foram identificados pela PM como sendo os causadores da rebelião. Eles serão encaminhados à delegacia para serem autuados em flagrante por danos ao patrimônio público. A PM realizou uma operação para avaliar os estragos causados nas celas. No local há 105 presos, apesar de a capacidade do presídio ser de 40 detentos.

Compilado do Jornal Folha do Aracati

Nenhum comentário:

Postar um comentário