sexta-feira, 9 de maio de 2014

Associação de Capelania do Brasil comparece a Câmara de Aracati com proposta da criação de Lei Municipal

Na sessão da Câmara Municipal de Aracati realizada, quinta feira (08), o Capelão Humberto Kennedy Passos fez uso da tribuna para apresentar, comunicar e entregar projeto de Lei Municipal para análise dos vereadores com intuito de, seguindo exemplo de outros municípios, votarem criando a lei municipal com base na Lei Federal (9982/00) e Lei Estadual (14.485).

Estiveram presentes uma representação de Capelães formados através de curso realizado nos dias 10 e 11 de janeiro de 2014. LEIA MAIS
A solenidade de formatura da primeira turma de capelães em Aracati contou com a presença de novos capelães de Fortim, Fortaleza, Tibau, Canoa Quebrada aconteceu em Aracati na EEF Gercina Nepomuceno que reuniu pessoas que não medem esforços para se aperfeiçoarem no conhecimento para auxiliar quem precisa.

O capelão integrante da equipe multidisciplinar, é uma pessoa capacitada e sensível às necessidades humanas, dispondo-se a dar ouvidos, confortar e encorajar, ajudando o enfermo, o encarcerado, o necessitado e todos aqueles que sofrem a lutar pela vida com esperança em Deus.
  
A Associação de Capelania do Brasil através do CETEB vem formando capelães em todo o território nacional e internacional desde 2009 com uma visão voltada para o ministério de serviço cristão e humanitário. Formando e efetivando as atividades na área de Capelania geral, e instituindo leis estaduais e municipais em todo o Território Nacional, e em outras Nações. 

A Capelania cristã, tem como finalidade primeira preparar voluntários para servirem ao Cristianismo como capelães e visitadores religiosos em hospitais, presídios, creches, áreas sociais nas diversas modalidades, prestando contínuo aprimoramento em questões de teologia, social e saúde, Nacional e Internacional.


MISSÃO

Promover, através de voluntários e funcionários capacitados, ações concretas de apoio integral ao ser humano em situação de vulnerabilidade social, sem distinção de raça, credo ou sexo. Atendendo através de cursos profissionalizantes, oficinas de arte, palestras, atividades culturais, recreativas e de acolhimento.

O trabalho é realizado através de parcerias qualificadas com entidades governamentais, não governamentais e eclesiásticas, sem fins lucrativos. 

Oferece aconselhamento espiritual e apoio emocional tanto ao individuo necessitados e seus familiares, como aos profissionais que presta serviço junto a instituição ou empresa. É importante elo com a comunidade local.

O serviço de Capelania deve ser feito com todo o coração. Isso inclui dizer que deve ser feito igualmente com competência. Da mesma forma que um missionário se prepara em várias áreas quando planeja atuar num outro país, o trabalho que é realizado nos hospitais, presídios, escolas, centros de recuperação, consideram tal preparo.


Esse foi apenas mais um passo dado pela turma de capelães da regional em Aracati, e faço questão de compartilhar essa alegria de servir como voluntariado e assim testemunhar, que existem ainda muitas pessoas que tiram um pouco de seu tempo para conhecer e procurar entender as dores e problemas humanos seguindo o exemplo de Cristo. Ou seja, o trabalho é realizado através de parcerias qualificadas com entidades governamentais e não governamentais. 

Afinal, entendemos que as práticas de Jesus nos inspiram a capelania como afirma Jesus segundo Mt. 25.35-36 ; quando disse; “Porque tive fome, e me destes de comer; tive sede, e me destes de beber; era forasteiro, e me hospedastes; estava nu, e me vestistes; enfermo, e me visitastes; preso, e fostes ver-me". 

Nenhum comentário:

Postar um comentário