domingo, 4 de maio de 2014

Denúncia. Lotação de Fortaleza teria vindo a Aracati com objetivo de criar associação de trabalhadores

O episódio teria acontecido na segunda feira 28/04, por volta das 16:00hrs quando um grupo da capital Fortaleza, se reuniram na localidade de Aracati para realizar uma assembleia com o intuito da fundação de um sindicato de trabalhadores de nosso comércio na nossa cidade, sendo que, ja existe um projeto, inclusive com o edital já publicado, de um sindicado local com pessoas da nossa localidade, nascidos na cidade, e que representam todos os seguimentos do comercio da cidade.

O momento da Assembleia foi registrado através de fotos e vídeos a chegada de pessoas de Fortaleza, pessoas essas que foram usadas para compor a assembleia e consequentemente serem maioria na votação do sindicato.  CONTINUE LENDO
“Na ocasião encontravam-se vários trabalhadores da cidade, mesmo assim era minoria em relação ao número de pessoas que vieram em veículos lotados da capital, e sendo a minoria que se opuseram a decisão, inclusive impedidos de qualquer declaração, representantes da diretoria do nosso sindicato foram impedidos de entrar no local, sem constar em ata, qualquer ordem ou cláusula que impedisse tal acesso!”. Disse uma denunciante que por enquanto não deseja divulgação de seu nome.

Portanto, aqui fica a denuncia que pessoas entraram na nossa cidade, as escondidas, fretando ônibus para trazer pessoas e encher a assembleia e assim coibir qualquer ação da parte de pessoas que estão totalmente contra esse sindicato.

“Nossos trabalhadores, ha muito tempo lutam para conseguir um sindicato local, e agora estamos a um passo de realizar esse sonho e vamos lutar, inclusive temos fotos e gravação em imagens que comprovam a chegada de várias pessoas de fora em apoio a tal diretoria”. Declarou a denunciante.


Estamos entrando em contato com o Ministério Publico para impugnar essa ação ilegal da parte dessas pessoas que ao menos sabem a necessidade da nossa localidade. Não havia um membro sequer da nossa cidade, vale ressaltar! E o que ali estavam se opuseram a assinar ou concordar com a decisão de abertura desse sindicato! Esperamos providencias da parte do Ministério Publico para apurar os fatos reais do momento da Assembleia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário