segunda-feira, 25 de agosto de 2014

R$ 5 mil reais a quem oferecer informações que levem a família a encontrar menino desaparecido em Aracati

O advogado José Augusto Neto, que representa a família do menino José Lucas, 3 anos, desaparecido desde o dia 6 de julho no Córrego da Priscila, em Aracati, disse hoje (20) que pagará R$ 5 mil reais a quem oferecer informações que levem a família a encontrar o menino. “Como pai, como cidadão, como cristão, ofereço uma recompensa de R$ 5 mil a qualquer informação que nos leva a encontrar o menor Lucas”, disse. “Passaram-se mais de 30 dias e as possibilidades concretas de encontrar o garoto não surgem. O que fazer?”, questiona o advogado.
A mãe e a tia do menino foram na manhã desta quarta-feira (20) ao escritório do advogado conversar sobre a reconstituição do caso, ainda sem data para acontecer.

O advogado lembrou que se não houver um trabalho conjunto entre polícia e sociedade, a família ficará cada vez mais distante do menor Lucas. “Poder-se-ia pensar ou afirmar que tal fato é irrelevante, mas tenho convicção que esta criança está viva, vivíssima”, disse.

Para José Augusto Neto, todas as possibilidades devem ser investigadas. “Tudo deve ser investigado”, disse.

O sumiço da criança, segundo o advogado, está causando prejuízos aos seus pais, que, além da ausência do garoto, tiveram suas vidas, até mesmo íntima e pessoal de tal forma revirada e exposta à público, com sequelas psicológicas. José Augusto Neto disse não acreditar em qualquer versão da polícia que ponha os familiares de menino como suspeito. “Estou do lado da família, compartilho a sua dor, a sua angústia e o seu sofrimento”, disse.


O advogado conclamou a população a intensificar a campanha através das redes sociais. “Vamos encontrar essa criança, pois a esperança é a última que morre, aliás, a esperança não morre”, finalizou.

Fonte: Folha de Aracati

Nenhum comentário:

Postar um comentário