domingo, 30 de novembro de 2014

Atraso de três horas geram vaias no show de Aline Barros na festa de 172 anos de Aracati

Foto  DIVULGAÇÃO
Por tudo que tenho lido e escutado até agora sobre o show para as famílias, me chama atenção inúmeras reclamações sobre a demora da apresentação da Aline Barros. Ano passado foi do mesmo jeito, ao que parece até no proselitismo religioso chegou a ser pior que no irmão Lázaro que demorou a iniciar sua apresentação enquanto a população esperava contra a vontade a embromação daqueles que se apossaram do palco. LEIA MAIS
A ideia dos shows para as famílias é excelente, mas parece que a organização deixa a desejar. Na opinião de muitos, “O SHOW” foi Padre Fábio de Melo, até quando fazia uso da palavra era uma linguagem universal para toda e qualquer pessoa escutar e refletir, tanto fazia ser protestante, católico, agnóstico ou até mesmo ateu. Só quem achou ruim mesmo foram algumas autoridades políticas que desejavam pegar carona na imagem do Fábio.

Não devemos ser contra qualquer religião, até porque nenhuma delas garante salvação, mas querer empurrar ideologia a força, tanto é deselegante, imoral e até desonesto visto que o espaço era destinado às famílias, independentemente de alguém professar essa ou aquela outra, mas sem apelação e que seja realmente shows sem cultos, pois desejar participar da celebração religiosa seja evangélico ou católico, já existe o momento certo que é no início do evento propício justamente para esse fim.

Esperava-se que a versão 2014 esses erros fossem consertados, e parece que a tentativa era essa tanto que o convite oficial da prefeitura de Aracati dizia o seguinte:

“Na programação comemorativa dos 172 anos de Aracati, estamos promovendo pelo 2º ano consecutivo o Show para as Famílias e esse ano com um DIFERENCIAL, a partir das 18h, na sexta feira (28/11) será celebrada uma Missa, em seguida ocorrer o lançamento de um vídeo institucional e em seguida o grande Show com a Banda Anjos de Resgate. No sábado (29/11), a partir de 18h, haverá um culto com dezenas de pastores e lideres religiosos do CONPLEA (Conselho de Pastores de Aracati), em seguida acontecerá o Show da cantora Aline Barros e Banda. Sintam-se todos convidados a participar desses momentos de oração, adoração e louvor. Nosso objetivo é celebrar a Paz entre as famílias”.

Se não consertarem, no próximo ano deixará de ser "pra família" até por que idosos e crianças não irão novamente para dormir frente à igreja. Pelo menos era esse o anúncio da ASCOM pelas redes sociais.

Eram tantas desculpas dos organizadores sobre a demora que até vaia houve, disseram que a cantora já havia chegado e meia hora depois anunciaram que Aline não havia chegado devido atraso do voo, mas fonte me revelou que; "A cantora Aline Barros cumpriu fielmente seu horário para qual foi contratada", havia até informação que Aline Barros estaria em Canoa Quebrada então por qual razão divulgaram no palco que “o voo atrasou?”, ou seja, ela sabia que deveria se apresentar às 23hs e não mais cedo. Anunciar um horário diferente do horário do contrato além de deselegante, antiético e ainda de sobra, cai no conceito da população. Seja lá quem inventou a desculpa para começar o show tarde da noite, deixando pessoas idosas e crianças sonolentas ou desistirem de presenciar a festa, deveria saber que a mentira não é de Deus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário