quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Dr. Ricardo Lotif, mais novo cidadão piauiense

Através de decreto Legislativo do Estado do Piauí, devidamente aprovado e assinado pelo presidente daquela casa, o deputado Themistocles Filho, foi atribuído o título de Cidadão Piauiense ao Fisioterapeuta cearense Dr. Ricardo Lotif Araújo. A entrega da honraria será feita em sessão solene na Assembleia Legislativa do Estado do Piauí. O decreto foi assinado no dia 28 de outubro de 2014.  LEIA E SAIBA MAIS SOBRE O AGRACIADO

Ricardo Lotif Araújo é natural de Irauçuba (CE), casado com a piauiense Catherine Guimarães Ferreira.

O homenageado ajudou a fundar o Sindicato dos Fisioterapeutas Ocupacionais do Estado do Piauí (SINFITO) e foi um dos fundadores da Associação dos Terapeutas Ocupacionais do Piauí (ABRATO).  Lofit também  é um dos responsáveis pelo desmembramento do Conselho Regional de Fisioterapeutas.

A instalação da Delegacia do Conselho Regional de Fisioterapia e a fundação do Curso de Terapia Ocupacional e a reativação da Associação dos Fisioterapeutas do Estado do Piauí, foram algumas das outras realizações que ajudou a implantar.

Graduado em Fisioterpia pela Universidade Federal do Ceará e especialista em Gestão de Serviços de Saúde pela Escola de Saúde Pública do Ceará, Lofit foi presidente do Fórum Permanente dos Conselhos e Ordens das Profissões Regulamentadas (FOCO).

Atualmente Ricardo Lotif Araújo é professor e Coordenador do curso de fisioterapia da Faculdade do Vale do Jaguaribe, e Diretor Geral de um Consórcio de Municípios que compõe a Policlínica com sede em Aracati no Ceará, e que abrange os municípios cearenses  de Fortim, Itaiçaba e Icapui.

Ricardo Lotif também foi  auditor de Residências Multiprofissionais do Ministério da Educação e Cultura (MEC) e participou da elaboração da Política Nacional de Saúde Funcional (2010) com atuação nos temas Docência em Saúde, Gestão Pública e Privada, Ética em Fisioterapia. Também é autor de pesquisa em Fisioterapia, Fisioterapia no Programa de Saúde da Família, Violência no Trânsito.


Nenhum comentário:

Postar um comentário