sábado, 21 de março de 2015

Assaltantes de Banco do Ceará presos no RN são obrigados a dizer que os policiais que efetuaram a prisão são “Foda”.

Davi Silva é de Aracati
Foto REPRODUÇÃO do Facebook
Entre os assaltantes presos, um é natural de Aracati. 
Cearenses que foram assaltar um banco no RN, acabaram presos pelo GTO - Grupo Tático Operacional da Policia Militar. O GTO é conhecido naquele estado como “um grupamento que não alisa bandidos”. Até às 23hs de sábado (21/03) o vídeo postado no Facebook já havia recebido 12.424 visualizações. CONTINUE LENDO, SAIBA MAIS E ASSISTA O VÍDEO
Na ação, dois bandidos de Fortaleza e um de Aracati foram presos, e respondendo pergunta feita por um dos policiais, os indivíduos olhando para a câmera, dizem nome completo, endereço e cidade de origem, todos no estado do Ceará e ao final ainda ‘enaltecem’ o trabalho do Grupo Tático Operacional da Policia Militar, afirmando  que o “GTO É FODA”.

Os presos são, Antonio Wesley de Sousa Monteiro, morador no Conjunto Palmeiras em Fortaleza, Davi Silva dos Santos natural de Aracati, residente à Rua Jaques Klein, 5522 e Weldney Cristian Diógenes Pinheiro residente à Rua Luciano Queiroz, Bairro Henrique Jorge.

No Rio Grande do Norte parece que a polícia trabalha sem receber muita pressão de órgãos como MP, poder judiciário e direitos humanos. Pior para os criminosos já que aqui no Ceará até para órgãos de imprensa filmar e entrevistar em preso é uma “novela”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário