quarta-feira, 29 de abril de 2015

Morre aos 104 anos Maria de Lourdes Dias Felismino, filha do Dr. Eduardo Dias

Foto do Facebook do neto
Felipe C. Lima e esposa
Germana Pinheiro
Começo de noite nesta quarta-feira 29 de abril de 2015, faleceu MARIA DE LOURDES DIAS FELISMINO, baiana, era a farmacêutica mais velha viva do Ceará, chegou em Aracati aos 4 anos de idade. Depois da prematura morte de sua mãe, teve que se dividir em ajudar criar os 12 irmãos e auxiliar o pai na sua profissão (Médico), em setembro faria 104 anos. Trabalhou até seus 94 anos como farmacêutica em Aracati. Filha do Dr. EDUARDO ALVES DIAS, de quem foi braço direito em seu árduo trabalho em uma época que levar saúde ao povo, muitas vezes precisava de dias de viagem em lombo de cavalo. LEIA MAIS



Foi membro da Academia Cearense de Farmácia, ocupando a

cadeira n° 33 e atualmente era Acadêmica Emérita. Muito católica, tocava piano nas missas e preparava os corais para as festividades natalinas, conhecidas a época como pastoril, organizava apresentação dos presépios nas cidades do interior: Itaiçaba, Jaguaruana, Russas e até Mossoró. Incansável, visando sempre ajudar o próximo e sempre à frente do seu tempo era um exemplo de vida a ser seguido!


Maria de Lourdes Dias Felismino! Exemplo de mulher. Guerreira da vida. Nasceu no ano de 1911. O velório e a Missa acontecerá as 9:30 desta quinta-feira (30) na funerária Ternura. Sepultamento 11:00 no Cemitério Parque da Paz em Fortaleza. 

Maria de Lourdes Dias Felismino! Exemplo de mulher. Guerreira da vida
* Texto do Facebook do perfil Dona Chic de do casal Felipe e Germana

A todos os familiares, desejamos os mais sinceros votos de pesar, mas certamente nesta data que será inesquecível para familiares e amigos mais próximos, essa guerreira passará a habitar uma das moradas do Pai celestial, e por tudo o que fez enquanto missão cumprida e conferida para essa jornada terrena, D. MARIA DE LOURDES DIAS FELISMINO, herdou o melhor das moradas conforme anunciou Jesus Cristo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário