sexta-feira, 7 de agosto de 2015

Prefeito de Granja lança nota de pesar pelo radialista Gleydson Carvalho e diz; "assassinato foi previamente anunciado por blogueiro e vereadores".

“Assassinato do radialista Gleydson Carvalho foi premeditado e previamente anunciado por blogueiro e vereadores em sessões das câmaras de Granja e Martinópole”. Declarou o prefeito de Granja, Romeu Aldigueri ao lançar nota de pesar em seu Facebook. CONTINUE LENDO E SAIBA MAIS

Lamento profundamente a execução a queima roupa com três tiros do Jornalista e Radialista Gleydson Carvalho “O Amigão”, ocorrida quando o mesmo exercia sua profissão, locutando ao vivo num dos estúdios em Camocim, da Rádio Liberdade do município de Martinópole. Estou profundamente consternado e horrorizado com tamanha crueldade, violência, perversidade contra um homem trabalhador, pai de família, querido e respeitado em toda a zona norte do estado do Ceará.

Esse assassinato premeditado e previamente anunciado por um blogueiro fajuto e por vereadores em sessões das câmaras de Granja e Martinopole não pode e nem vai ficar impune.

Essa violência é também contra a imprensa, contra a liberdade de expressão, contra a democracia. Confio na Justiça e nas autoridades policias civis e militares para rapidamente punirem de forma exemplar os executores e os mandantes desse crime tão bárbaro.

Hoje, receberei o Prêmio de Melhores Prefeitos do Ceará, estando entre os 5 melhor avaliados do estado. Pensei muito em não ir a solenidade, mas em respeito aos Granjenses e em homenagem ao grande radialista Gleydson Carvalho buscarei forças para estar presente.

Dedico esse Prêmio ao inesquecível Gleydson Carvalho!!!

Romeu Aldigueri



PREFEITO DE GRANJA TAMBÉM HAVIA SOFRIDO AMEAÇAS

GRANJA
Juiza determina busca e apreensão contra homem acusado de ameaçar prefeito
19/06/2015 13h05 (editada em 19/06/2015 13h09)

A Juíza Claudia Waleska Mattos Mascarenhas da 2ª Vara da Comarca de Granja determinou que César Cassimiro, sobrinho e assessor político do vereador Milton Cassimiro (PR), mantenha a distância de 200 metros do Prefeito Romeu Aldigueri (Pros), bem como de sua esposa e filhos. Além disso, a juíza expediu um mandato de busca e apreensão na residência de César, a fim de que se encontre armas de fogo, que por acaso estejam em seu poder.

A Justiça de Granja classificou César Cassimiro como uma pessoa “destemperada e capaz de fazer cumprir suas ameaças de morte contra o Prefeito Municipal de Granja, Romeu Aldigueri”.

Segundo a Juíza Cláudia Mascarenhas ficou clara a intenção de César Cassimiro, ao expor em rede social, a intenção criminosa de atentar contra a vida de um homem, sem justificativa alguma.

Romeu Aldigueri deu entrada no último dia 8 de Junho, na Superintendência da Polícia Civil em Fortaleza para fazer um Boletim de Ocorrência (BO) contra as ameaças de morte realizadas por César Cassimiro, sobrinho e assessor político do vereador Milton Cassimiro.

Segundo o BO, César Cassimiro havia feito duras ameaças ao prefeito de Granja em sua conta no facebook, como por exemplo: “Eu vou disparar cinco balas na tua boca”, “você está querendo antecipar sua passagem para o inferno”, “você tem coragem de deixar a sua mulher viúva”, “pense pelo menos nos seus filhos, é tão ruim crescer sem a companhia do pai”.

Após as ameaças o Prefeito Romeu Aldigueri só tem aparecido publicamente para inauguração de obras. “Esse é um momento muito difícil para minha esposa, meus filhos e para mim. Mas não posso me abster, porque o povo de Granja precisa de seu gestor aqui no município, e a justiça já está sendo feita e eu tenho plena confiança que em breve esse sujeito estará longe de todos nós”, ressaltou o prefeito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário