quinta-feira, 6 de agosto de 2015

Radialistas do Ceará lançam nota sobre assassinato do radialista e jornalista Gleydson Carvalho

Nós, radialistas do estado do Ceará estamos de luto pelo covarde assassinato do companheiro Gleydson Carvalho, 36 anos (nascido em 05-04-1979), executado durante o exercício da profissão por volta das 12:37h dentro do estúdio da sua emissora.

No dia 30 de março deste ano, foi assassinado o radialista José Patrício Oliveira, de 40 anos, trabalhava na Rádio Sul Cearense AM de Brejo Santo. Hoje (06 de agosto) foi o Glaydson Carvalho em Camocim. LEIA MAIS
Exigimos das autoridades uma tomada de postura que consista em uma mudança de paradigma. O Ceará não pode ser o estado onde se mata radialista e NADA acontece. A imprensa está sendo atacada, a liberdade de expressão e a democracia ameaçadas e as autoridades, políticas, policiais e sindicais, o que farão efetivamente daqui pra frente?  Calaram dois radialistas mas nós somos milhares e não nos calaremos enquanto esses criminosos, pistoleiros e mandantes não forem punidos. 

Se você é radialista e ou ouvinte e também está indignado com essa vergonha; Curta, comente, compartilhe. Vamos, cada um de nós, fazer a nossa parte, enquanto aguardamos providências oficiais.


Grupo Radialistas do Ceará

Nenhum comentário:

Postar um comentário