quarta-feira, 16 de setembro de 2015

Aracati, Sobral, Limoeiro do Norte, Quixadá e Aracati recebem, A Escola vai ao Cinema 2015

O projeto promove exibições de cinema, seminário de formação para os professores, oficinas de animação e concurso de redação nos municípios.
O projeto A Escola Vai ao Cinema foi lançado sexta-feira, dia 11 de setembro, às 16 horas, no Cinema da Rede Pinheiro, na cidade de Sobral-CE.  Serão entregues os prêmios dos concursos das redações do ano de 2014 e a exibição de três curtas “O Prisioneiro e o Bambu”, “O Palhaço” e a “Invenção da Galinha”, produzidos por alunos da rede pública de Sobral, Limoeiro do Norte e Quixadá por meio de oficina de animação realizada em cada município. 
Ainda em Sobral, no dia 12, às 9 horas, acontecerá o Seminário Cine Educação conduzido pela coordenadora pedagógica do projeto, jornalista Bete Jaguaribe, e logo depois será exibido o filme “O Segredo dos Diamantes”, tendo como plateia de formação os professores da Rede Pública de Ensino. O Segredo dos diamantes é dirigido pelo cineasta mineiro Helvécio Ratton, que tem uma longa trajetória dedicada a filmes com temática infantil e já recebeu o prêmio de “MELHOR FILME Juri Popular”- no 42º Festival de Cinema de Gramado – 2014.

Essa, que é a oitava edição do projeto, passará também por Limoeiro do Norte (dia 14/09), e Quixadá (dia 16/09), e vai incluir no roteiro o município de Aracati.

Realizado pelo Instituto CDL de Cultura e Responsabilidade Social, A Escola Vai ao Cinema tem como principais objetivos  qualificar a educação, estimulando alunos e professores através do cinema;  possibilitar aos alunos de escolas públicas do interior do estado o contato com outras referências culturais e estimular a valorização da produção cinematográfica nacional.

Em cada cidade o projeto são promove exibições de filmes nacionais, seminários de Cine Educação para os professores da rede pública de ensino, oficinas de animação e concurso de redação. As atividades realizadas são todas interligadas e envolvem  alunos do 1ª ano do Ensino Fundamental até o 3ª ano do Ensino Médio.

As atividades iniciais dessa edição contarão com o pronunciamento dos representantes e idealizadores do projeto, exibição dos curtas metragens realizados na edição anterior e a entrega dos prêmios aos alunos vencedores do concurso de redação realizado em 2014. Posteriormente os professores do município participam dos seminários Cine Educação. A exceção é a cidade de Sobral onde o seminário será realizado no dia seguinte ao lançamento do projeto (12), a partir das 9h.

Números em 2015

Em 2015 o projeto A Escola Vai ao Cinema vai promover  50 exibições de cinema em Sobral, com expectativa de beneficiar  5.000 alunos; 40 na cidade de Limoeiro do Norte, atingindo aproximadamente 3.500 estudantes e 40 nos municípios de Quixadá e Aracati, totalizando 2.800 alunos em cada um deles. A meta é realizar 130 sessões de cinema brasileiro para alunos da rede pública de ensino. Além das 130 sessões, também serão realizados quatro seminários de CineEducação, quatro oficinas de animação e quatro concursos de redação, sendo uma em cada município visitado pelo projeto. 

O Ceará é hoje um dos poucos estados do país que garante a experiência do cinema para jovens da rede pública, cujo repertório cultural é reduzido à lógica da televisão comercial.. Dessa forma, A Escola vai ao Cinema também dá respostas a um dos mais sérios problemas enfrentados pelo cinema nacional: a frágil estrutura de exibição do país, que reúne apenas cerca de 2.300 salas.

ATIVIDADES DESENVOLVIDAS

Seminário Cine Educação: Serão realizados quatro seminários, sendo um em cada cidade. Essa atividade tem como foco qualificar os professores da rede pública de ensino para utilizarem a produção de cinema nacional como material didático em sala de aula, repercutindo na construção do pensamento critico do aluno e estimulando a valorização da cultura brasileira. Após a exibição do longa metragem “O Segredo do Diamantes”,  a professora e jornalista Bete Jaguaribe vai orientar os professores de variadas disciplinas a utilizar o cinema para estimular os alunos em sala de aula. Na formação os docentes também receberão o “Caderno de Cinema”, um manual de consulta para ser utilizado pelos professores durante o ano letivo. Em cada cidade a atividade deve durar em média 4 horas.

Concurso de Redação: O concurso envolve alunos 2ª ao 9ª ano e objetiva aumentar a auto estima dos estudantes, sendo também complementar para a disciplina de português. Como nos anos anteriores, a ação tem como tema a experiência de participar do projeto, visto que para muitos dos alunos esse é o primeiro contato com o mundo do cinema. Esse ano serão entregues os prêmios aos autores das melhores redações no ano de 2014. A novidade é que a premiação será dividia em dois grupos Fundamental I e II.

Oficinas de Animação:  Ministrada pelo cineasta Telmo Carvalho as oficinas de animação, que serão realizadas em todas as cidades visitadas pelo projeto, também são um estímulo ao talento e a criatividade dos alunos, servindo como espaço para as crianças demonstrarem seus valores e repertório. Ao final de cada oficina os alunos produzem um curta-metragem, utilizando de maneira prática o que foi aprendido na oficina.

O projeto A Escola Vai ao Cinema é uma iniciativa do Instituto CDL de Cultura e Responsabilidade Social e conta com a parceria do Pinheiro Supermercado e o apoio das Prefeituras e Secretarias de Educação de Sobral, Limoeiro do Norte, Quixadá e Aracati e com o apoio cultural do Governo do Estado do Ceará.

Serviço: A Escola Vai ao Cinema – Em Sobral (Dia 11/09 e 12/09), Limoeiro do Norte (Dia 14/09), Quixadá (Dia 16/09) e Aracati.O projeto promove exibições de cinema, seminário de formação para os professores, oficinas de animação e concurso de redação nos municípios.

INFORMAÇÕES PARA A IMPRENSA
DÉGAGÉ
Jornalistas Resp: Eugênia Nogueira e Sônia Lage
85-3252.5401 

t: @degage_imprensa  / f: degageassessoria

Nenhum comentário:

Postar um comentário