terça-feira, 17 de novembro de 2015

Conselho Estadual de Direitos Humanos em solidariedade aos familiares de PMs mortos no CE

O Conselho Estadual de Direitos Humanos se dirige às famílias, amigos e companheiros dos policiais militares vítimas da violência nos últimos dias em Fortaleza para prestar solidariedade e dizer da preocupação das instituições deste Conselho com a atual situação vivida pela categoria.
Este ano, o número de policiais assassinados é de 14. A crise de segurança pública, evidenciada na explosão dos conflitos sociais que não poderão ser estocados ou administrados com o aparato policial, acaba tanto se revelando insuportável para a população em geral como também letal para os agentes da política de segurança.

O Conselho de Direitos Humanos e suas instituições não alimentam oposição, através de sua atuação, aos profissionais da segurança pública. Somos contra toda violência letal, contra violências institucionais, contra o extermínio das juventudes, contra desvios de função, contra vingança privada. Queremos respeito aos direitos humanos de todos e todas. Queremos estrita observância dos
procedimentos investigatórios e respeito à lei.

Somos solidários às famílias de todas as vítimas dessa onda sistêmica de letalidade.
Com esta nota, queremos nos solidarizar e colocar este Conselho à disposição dos familiares das vítimas, para apoio, acompanhamento da investigação e na articulação de programas e políticas de orientação, apoio e proteção às famílias.

* Conselho Estadual dos Direitos Humanos no Ceará.

Nenhum comentário:

Postar um comentário