domingo, 22 de novembro de 2015

Um ano sem "Seu Lunga"

Há um ano o Ceará perdia um dos principais ícones da cultura popular. Ele foi sucateiro, comerciante, poeta e, claro, uma lenda do cordel nordestino. Seu Joaquim dos Santos Rodrigues nasceu em Juazeiro do Norte, no dia 18 de agosto de 1927. Mas morou durante toda a infância em Assaré. Voltou a Juazeiro do Norte aos 20 anos, em 1947, onde casou-se e teve 13 filhos - três homens e 10 mulheres. Doze estão vivos. Trabalhou na agricultura e foi ourives, antes de comprar o prédio onde funcionava sua loja.

Joaquim dos Santos Rodrigues levou uma vida simples. Acordava cedo e saía da rua Conceição, onde morava, indo até a sucata que mantinha na rua Santa Luzia, no centro de Juazeiro do Norte.

Na manhã de sábado de 22 de novembro de 2014, Lunga não resistiu a complicações após cirurgia no esôfago. Morreu aos 87 anos, há um ano.

Texto - O Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário