quarta-feira, 2 de dezembro de 2015

A APADA não é depósito de animais. Conscientize-se!

Otacílio e sua esposa são voluntários
mesmo com todas as atribuições
profissionais e vida social em Aracati
Sobre os inúmeros casos relatados sobre animais soltos pelas ruas do Aracati, ao que parece, boa parte das pessoas que criticam a atuação dos membros voluntários ainda não entenderam qual o verdadeiro propósito da APADA. A ideia que muitos amantes dos cães e gatos tem, sobre a criação de uma ONG dessa natureza (proteção aos animais) sejam eles domésticos ou espalhados pelas ruas, praias e comunidades de nosso município, é que; “os membros da associação, recebem dinheiro ou quaisquer outros benefícios para resgatarem todos os animais que estiverem sem um lar soltos pelas vias públicas”.


Acreditam até, que; “é obrigação a APADA resgatar, cuidar, amar e levar para casa todo e qualquer animal deixando as ruas livres da presença desses inocentes bichinhos infelizmente, abandonados e/ou maltratados pelos donos que sequer dão-lhes; alimento, banho, vacinas, prevenção contra carrapatos e outros parasitas, não possuem a cultura e a consciência sobre o controle de natalidade seja por medicamentos ou castração.

Abrigo da APADA não pode se
transformar em depósito de animais
Achei propício utilizar aqui, um texto escrito por Lívia Rebouças (presidente da nossa ONG), que considero perfeito para esclarecer a grande maioria das pessoas que sabem da existência da APADA – Associação de Proteção aos Animais de Aracati, e acreditam que a nossa função é; “sair pegando todos os animais encontrados pelas ruas e leva-los para um abrigo, ou quem sabe, um depósito de animais”. Mesmo que assim fosse, obviamente não estaríamos resolvendo um problema (que também e de saúde pública), e sim, piorando a situação dos animaizinhos, pois, não existem políticas públicas com apoio governamental no Brasil voltados para esse fim.

população precisa ter consciência que
"cuidar dos animais é mais que um
dever, é obrigação"
Pronunciamento da presidente da APADA.


Sobre animais abandonados, cada um de nós temos que fazer nossa parte! Quem dera que a associação pudesse salvar todos os animais que víssemos, mas não é assim! Temos que muitas vezes agir com a razão.... O nosso trabalho é também a conscientização da população! Nossa associação não é deposito de animais, nós resgatamos os casos mais extremos, onde passa pelas clínicas e depois vão para o abrigo para possivelmente serem adotados! E isso tudo tem custos...e muito altos por sinal... A culpa não é nossa, por esse índice de abandonos no Aracati, nós fazemos o que podemos... Se você vê ou souber de casos de maus-tratos, denuncie! Não podemos sair pegando todos os animais de rua, até porque nossa associação não tem fins lucrativos, precisamos da ajuda de todos para que possamos regatar animais e dar vida digna a ele”

Quem somos

A APADA é uma organização não-governamental (ONG) de responsabilidade social, desenvolvida para a promoção e manutenção do bem-estar animal e ambiental, possuindo objetivos filantrópicos e atuando sem fins lucrativos. Foi criada por um grupo de pessoas não conformadas em ver animais perambulando pelas ruas, sofrendo toda a sorte de abusos, maus-tratos e procriando indiscriminadamente. Este grupo resolveu unir esforços com o intuito de obter um ambiente mais equilibrado para homens e animais.

Junte-se a nós, e faça parte dessa família que cuida dos animais


Nosso contato

Associação de Proteção ao Animais de Aracati
APADA Ame, Cuide & Adote
Organização Não Governamental (ONG)
Endereço
Rua Joaquim Ponciano 726, 62800-000 Aracati

#AmeCuideAdote
www.facebook.com/amecuideadote

Um comentário:

  1. Certamente a conscientização é a missão dos protetores. Ao invés de jogar a responsabilidade na associação devemos todos fazermos nossa parte. Não custa nada alimentar um cão de rua.

    ResponderExcluir