terça-feira, 22 de dezembro de 2015

Cadeia Pública de Aracati passará por reforma e ampliação

Na tarde desta segunda-feira (21/12), o prefeito de Aracati, Ivan Silvério, esteve visitando a Cadeia Pública de Aracati, acompanhado do coordenador geral do Sistema Carcerário do Estado do Ceará, Dr. Wanderson Pereira, e uma equipe de engenharia da Secretaria de Justiça. O objetivo da visita foi além de levar uma mensagem de autoestima neste período de festas aos encarcerados, informar que a citada Cadeia Pública, passará por ampliação e
uma reforma completa, oferecendo assim, melhores acomodações aos cerca de 120 (cento e vinte) presos que hoje cumprem penas, ou aguardam julgamento, neste equipamento prisional.

Em meio à visita e a conversa com os encarcerados e autoridades, Dr. Wanderson Pereira, reconheceu o esforço do prefeito de Aracati “Louvada a atitude do prefeito Ivan Silvério, que em um gesto humanístico, solicitou ao governador Camilo Santana, não só a reforma, mais também a ampliação deste espaço, e por determinação do governador ao secretário de Justiça, Hélio Leitão, agora acontece essa nossa visita “in loco” para conhecimento do espaço físico, sendo que, logo em seguida haverá a autorização para a execução das obras, que deverão ocorrer em o mais tardar 2 (dois) meses, em parceria Governo do Estado/Prefeitura de Aracati e utilização da mão de obra dos próprios presos.

“As famílias dos presos com certeza sentem-se gratas por nossa atitude. O fato de terem errado, não significa dizer que não merecem ser bem tratados e pagar suas devidas penas, de forma digna. Com a ação todos ganham, presos, familiares, e a população em geral, pois se terá uma Cadeia pública, mais humana e com mais segurança”, ressaltou o prefeito Ivan Silvério.


O coordenador geral do Sistema Carcerário do Estado, Dr. Wanderson Pereira fez questão também de informar ao prefeito Ivan, e a todos os presentes na visita, que a Cadeia Pública de Aracati foi contemplada com um equipamento de Raio X oriundo do Ministério da Justiça, que irá reforçar os equipamentos de segurança desta unidade prisional.

ASCOM/PMA

Nenhum comentário:

Postar um comentário