quinta-feira, 5 de maio de 2016

Novo conflito por disputa de exploração de Buggy Turismo em Canoa Quebrada

Equipe da GMA apreenderam buggye
alegando falta do triângulo
Por volta das 16:30hs desta quarta-feira (04/05) na praia de Canoa Quebrada foi registrado mais um caso de conflito envolvendo um cooperado da COOPBUGGY e associados da ABCQ. Pablo Dias da Coopbuggy falou que "fazia o passeio pelas dunas com uma família de turistas do Piauí, quando foi surpreendido por cerca de 15 bugueiros da ABCQ que o cercaram impedindo de continuar o trajeto". Pablo disse ainda que entrou em contato com os companheiros da COOPBUGGY, acionou a Polícia e a Guarda Municipal para a ocorrência.

Matias Freire, também da COOPBUGGY disse que; "ao descer de seu buggy, já filmando a cena com seu celular, foi agredido fisicamente por
Alexandre (filho do Argeu) e o mesmo teria agredido com socos que teria quebrado um dente parcialmente, uma lesão no rosto e reclamava de fortes dores na mandíbula. ”  Outro cooperado de nome João Pedro também registrou a reportagem do Aracati em Foco, que teria sofrido igual agressão por ter registrado o lamentável acontecimento em seu celular. As imagens estão em poder da TV Sinal de Aracati.
intenção de passar a noite na calçada em protesto  pela
apreensão do Buggye onde se encontrava Pablo Dias e
quatro turistas do Piauí
Cooperados da COOPBUGGY disseram que devido a apreensão sem justificativa do Buggy de propriedade do condutor Pablo Dias, eles fariam o protesto dormindo na calçada, alguns bugueiros e familiares em solidariedade aos três integrantes da cooperativa também disseram que iriam acompanhar os colegas dormindo ou permanecendo sobre a calçada do prédio da Guarda Municipal de Aracati onde o bugre apreendido pela guarda se encontra apreendido no pátio do órgão. Entrei em contato com o GM Rafael que preferiu não se pronunciar.

Familiares se dispuseram a passar a noite frente ao prédio
da GMA em protesto pela apreensão do buggye
Uma decisão judicial datada em 28/04 suspendeu a nulidade absoluta de todas as concessões de buggy turismo em Aracati, até que a prefeitura resolva pela celeridade no processo de licitação justa para todos.

Os bugueiros da CoopBuggye Matias Freire e João Pedro compareceram à Delegacia Polícia em Aracati no intuito de registrar BO com queixa crime contra os agressores, mas foi informado na USI – Unidade de Segurança Integrada de Aracati que, não havia delegado plantonista para realização do procedimento, então conseguiram uma guia para exame de corpo de delito para comparecerem ao Hospital Municipal (HMED) para realização do procedimento, e na manhã de quinta-feira, compareceriam à delegacia para registrar o fato


O advogado da CoopBuggye, Dr. Júnior Batista falou a nossa reportagem que; “ficou combinado com a procuradora do município, dra. Juliana, e marcariam para esta quinta-feira uma reunião com representantes das duas partes envolvidas nos conflitos com intuito de negociar pela paz até que passe o período eleitoral visto a impossibilidade de lançar edital licitatório para antes das eleições municipais.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário