domingo, 5 de junho de 2016

Aracati. Mesa Redonda sobre Prevenção ao Suicídio. Informação é o primeiro passo para mudança.

Condução dos trabalhos com palestras
e perguntas e respostas envolvendo
participantes da mesa redonda sobre
o tema "Suicídio" Fotos: Sandro B.G
Aconteceu sábado (04/06) no auditório do IFCE / Aracati, uma Mesa Redonda recheada de informações importantíssimas sobre “Suicídio, A Informação é o Primeiro Passo Para a Mudança”. Não resta a menor sombra de dúvidas que o assunto é um dos temas mais enigmáticos a ser abordado.

Uma equipe de profissionais convidados, composta pelo Psicólogo e Psicanalista Daniel Franco (UFC e membro da Liga de Neurologia e Psiquiatria Infantil-Linepi/UFC), Psicóloga e Psicanalista Dra. Fabiana Vasconcelos (UNIFOR/BGSP e Membro do Instituto DimiCuida) e o Espírita Convidado Major CB Edir Paixão (UFC e Colaborador do
Centro Espírita Irmão Leite), o trio foi responsável pelo riquíssimo conteúdo de informações que prendeu atenção dos convidados das 15hs às 19hs

O Psicólogo Daniel Franco abordou entre outros assuntos, as variadas formas de práticas de suicídio como; descuidos com o sexo precoce, contatos e experiências abusivas com o álcool e outras drogas, direção perigosa, práticas de pegas e rachas, além de esportes radicais de alto risco.

A Dra. Fabiana Vasconcelos alertou a todos os presentes sobre os riscos constantes em que meninos (as) na faixa etária entre 6 a 17 anos estão cada vez mais participando de competições utilizando-se de “brincadeiras” perigosas a exemplo de “jogos de não oxigenação"  (jogo do desmaio) onde os adolescentes arriscam a vida testando os limites da respiração, que também tem levado muitos desses jovens a desenvolver sequelas irreversíveis quando não a morte. A psicóloga alertou também sobre os locais mais frequentes onde essas brincadeiras acontecem, assim como os riscos dos jogos violentos e pesquisas pelas redes sociais realizadas motivados pela curiosidade onde esses jovens não têm ideia sobre o enorme risco de morte por tais “brincadeiras” praticadas”.

Edir Paixão, é Bombeiro Militar e além de falar sobre suas diversas experiências em salvamento e resgate em seu campo de atuação enquanto profissional, as fases do suicídio e seus fatores de risco, ele relatou ainda os prejuízos espirituais resultado dos suicídios, contrariando a ideia de que, na terra tudo se acaba com a morte do corpo físico.

Após as palestras, foi dado um intervalo de trinta minutos e ao retornarem as atividades, os conferencistas responderam questionamentos da plateia que lotou o auditório do IFCE/ARACATI

Ferreira (GEEM)
Foto: Sandro Guimarães
Ao final do evento, o dirigente do Grupo de Estudos Espírita Os Mensageiros falou sobre a grandeza do evento para que hajam multiplicadores na luta contra ideias suicidas.

“Agradecemos a Deus, a equipe espiritual que nos assistem, a FEEC, ao Instituto Bia Dote, Instituto DimiCuida, a oportunidade de estarmos renovando conhecimentos sobre o tema tão relevante quanto é o suicídio. A todos que participaram da mesa redonda, nossos agradecimentos e que sejamos multiplicadores das informações que recebemos”, disse o dirigente do GEEM Alessandro Souza.

Ao final do evento, ainda foram sorteados para a plateia de participantes, vinte e cinco livros de romance espírita sob coordenação do Clube do Livro do Grupo de Estudos Espírita Os Mensageiros

Contato

Grupo de Estudos Espírita Os Mensageiros – GEEM
Rua Armando Praça, 995 (ao lado do Super Frangolândia)

(85) 99981-6787 / (88) 99633-1333

Nenhum comentário:

Postar um comentário