quarta-feira, 10 de agosto de 2016

Ponte está pronta, mas falta de sinalização gera protesto.

No ano em que completa 15 anos do início de sua reforma, a Ponte Juscelino Kubitschek, na BR-304, neste município, tem enfim sua obra de duplicação concluída. O tráfego no trecho tem circulado normalmente nos dois sentidos, com a liberação das duas pontes, ocorridas no final de julho de deste ano. Entretanto, moradores da comunidade de Pedregal, ao lado da via, reclamam da insegurança na travessia.

A reivindicação é por conta de uma escola e uma faculdade, localizadas na margem oposta a maioria das casas do Pedregal, onde a travessia de crianças se torna perigosa devido ao
intenso fluxo de caminhões e carros de passeio. A comunidade já realizou inúmeros protestos, interrompendo o tráfego da via. Na pauta, estão sendo exigidos redutores de velocidade no trecho e passarela. O último protesto ocorreu no dia 25 de julho.

De acordo com o chefe do serviço da unidade Local de Russas do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transporte (Dnit), Alênio Costa, no dia 16 de julho, o órgão solicitou a contratação de empresa para a construção de 18 passarelas e dentre elas, a da BR-304, nas proximidades da Escola Antônio Monteiro, no Pedregral. Sobre a sinalização, ele afirma que a horizontal da pista nova e da antiga já se encontram concluídas e a vertical está em execução com previsão de conclusão no deste mês.

Será realizada no próximo dia 16, uma reunião entre os representantes das comunidades, do Dnit, da Polícia Rodoviária Federal, Prefeitura e do Ministério Público, onde serão apresentados os projetos desenvolvidos pelo órgão e as propostas para a solução das demandas.


FONTE: DIÁRIO DO NORDESTE
09.08.2016 por Ellen Freitas - Colaboradora

Nenhum comentário:

Postar um comentário