domingo, 9 de outubro de 2016

Candidato a vereador de Sousa é preso acusado de ser integrante de quadrilha que explodiu agência bancária no Ceará.

Manoel do Mutirão foi preso pela
polícia civil ( Diário do Sertão)
Lavras da Mangabeira-CE.  O candidato a vereador na cidade de Sousa, Manoel Pereira da Silva, conhecido também como “Manoel do Mutirão”, de 42 anos, foi preso no início da noite da sexta-feira (07), pela polícia civil, já que existia um mandado de prisão em seu desfavor, expedido pela Justiça de Lavras da Mangabeira/CE.

Conforme informações da polícia, “Manoel do Mutirão” é acusado de ser integrante de uma quartilha que explodiu caixa eletrônico na cidade de Ipaumirim/CE, onde o mesmo teria dado abrigo aos
indivíduos na cidade de Sousa, no Sertão da Paraíba.

De acordo com os agentes de investigação, a operação contou com a participação de policiais civis da cidade de Sousa e de Lavras da Mangabeira no Ceará. Manoel do Mutirão foi levado até a delegacia de polícia civil e em seguida transferido para o Ceará onde cumprirá pena na cadeia.


Fonte: Diário do Sertão

Nenhum comentário:

Postar um comentário