sábado, 8 de outubro de 2016

Foragido elemento que filmou moças nuas em banheiro de pousada em Canoa Quebrada

O tarado registrou imagens de duas jovens em pousada na véspera de eleição, foi conduzido à delegacia de Aracati, e liberado em seguida amparado pela lei eleitoral que impedia prisão de eleitor cinco dias antes da votação. 
Hoje, encontra-se foragido

Tarde de sábado, dia 01 de outubro, um grupo de amigos vieram de Fortaleza para se hospedarem em uma pousada em Canoa Quebrada, quando um homem que se apresentou como gerente da pousada Long Oceanus fez o atendimento na recepção do hotel. Os amigos, dentre quais estavam duas moças de aproximadamente 23 anos de idade, viveram momentos de horror quando a jovem de iniciais G.B tomava seu banho por volta das 20:11hs, avistou um vulto que pensava ser fruto de sua imaginação até que, momentos após, viu uma mão segurando um aparelho celular em uma pequena janela que dava para o banheiro, registrando imagens de seu momento de intimidade.

A moça ao avistar aquela cena, gritou por socorro e o indivíduo evadiu do
local, porém, sendo identificado pela polícia após analisar as sandálias deixadas no compartimento pelo lado externo do banheiro onde o mesmo havia improvisado um suporte feito com tijolos.

Para surpresa do grupo que se hospedara na tarde de sábado, ao observarem as imagens do aparelho, as moças e os policiais que atenderam a ocorrência descobriram que o indivíduo já havia registrado imagens da amiga de G.B, a jovem de iniciais F.L que, não havia notado que também fora vítima do maníaco.  Após conversar com as moças e analisar os aparelhos de celular do indivíduo, por volta das 21 horas a polícia conduziu o suspeito à delegacia regional de Aracati e apreenderam seus aparelhos de telefone celular para maior análise e como prova do inquérito. As vítimas também foram até a delegacia.


Flagrante

Como a lei eleitoral não permite que nenhuma pessoa poderia ser presa com base na regra prevista no artigo 236 do Código Eleitoral e tem como objetivo garantir o exercício do direito do voto pelo maior número possível de pessoas sem ameaças ou pressões indevidas, o elemento foi liberado ainda no mesmo dia.


O que diz a Lei

O artigo 236 do C. Eleitoral diz que "nenhuma autoridade poderá, desde 5 dias antes e até 48 horas depois do encerramento da eleição, prender ou deter qualquer eleitor, salvo em flagrante delito ou em virtude de sentença criminal condenatória por crime inafiançável, ou, ainda, por desrespeito a salvo-conduto".


Comunidade indignada

Os moradores de Canoa Quebrada, assim como os da sede do município, continuam indignado com esse acontecimento e clamam por justiça. O nativo Mauro Oceans lançou nota neste sábado dia 08/10 quando completa justamente uma semana do lamentável episódio (abaixo);

“Compartilhem para que possamos encontrar esse Elemento...
É triste eu ter que vim aqui postar uma publicação dessas
Esse é o cara (tarado) que tirou as fotos da moça na pousada, ele se encontra foragido simplesmente fugiu quando a polícia foi atrás dele, pra falar a verdade sumiu do mapa. Canoa Quebrada lugar de pessoas simples e hospitaleira e de uma beleza sem igual. Aí temos que conviver com pessoas que aparecem por aqui a procura de empregos e vêm manchar a reputação da nossa tão querida praia, mas quero que saibam que não apoiamos pessoas assim, e espero que nos ajudem a localizar esse elemento e que ele possa pagar pelo seu ato criminoso. Canoa Quebrada sempre estará de braços abertos para as pessoas que queiram conhecer e desfrutar de suas belezas e de sua gente. De pessoas de bem que venham pra somar com sua bondade, carinho e conhecimentos. Nós de Canoa Quebrada estaremos sempre aqui para lhes servir e transmitir a nossa alegria e magia ...  (Por Mauro Oceans)

Nenhum comentário:

Postar um comentário