terça-feira, 1 de novembro de 2016

Saúde em Aracati sai da UTI e entra em óbito

Paciente de Beberibe deram viagem
perdida. FOTO REPRODUÇÃO
TV Sinal de Aracati
Nesta quarta feira (02/11) no Programa Bom dia Sinal pela TV Sinal Canal 7 / FM Sinal 91.1 / e Live ao vivo às 7: 30h da manhã. Infelizmente, revelações que irão chocar pela gravidade dos problemas, muito pior que a falta de pagamento de médicos, técnicos de enfermagem, enfermeiros e outros contratados.

Nesta terça-feira (01) pela manhã, fui até o HMED - Hospital Municipal Eduardo Dias, fazer uma reportagem com pacientes e funcionários daquele hospital municipal. Confesso que a paralisação de servidores, incluindo médicos e enfermeiros pra mim não seria mais nenhuma novidade, afinal, o problema na saúde em Aracati parece algo crônico, ligados em aparelhos de uma UTI apenas para manter o sistema "com vida". 

Tentei conversar com a diretora do HMED, mas fui informado que ela estaria justamente em mais uma reunião com o secretário de saúde municipal. Na emergência, me indicaram que procurasse o enfermeiro. Adentrei passando por todo o corredor frente ao
consultório de atendimento e estava tudo deserto... Não haviam pacientes sobre os leitos ou poltronas das três enfermarias de pronto atendimento no setor de urgência e emergência daquele hospital. Quem dera fossem por falta de pessoas que não estivessem adoecendo, aliás, na sala de espera antes de passar pela recepção a todo momento era só o que tinha... Muitas pessoas enfermas, muito mal de saúde, casos de internamento e até cirurgia, mas, somente um profissional habilitado poderia diagnosticar.

Entrevistei pais indignados que vieram de Icapuí com um filho menor e especial. O garoto com uma fratura na perna se contorcendo em dor. Entrevistei uma filha que sob seus cuidados acompanhava sua mãe, uma idosa que havia levado uma queda e sentia fortes dores nas pernas que descansavam sobre uma cadeira de rodas. Elas vieram de Beberibe até nosso "Hospital Pólo"... Outros "sem número" de pessoas aqui do município, interior e sabe lá de outras cidades passavam pelos corredores desesperados.

Bem, mas essa matéria os telespectadores e ouvintes da TV e FM Sinal poderão acompanharem meu programa na manhã de quarta-feira dia 02. Dia de finados. Começa as 7:30hs e será retransmitido via "Live" pela página da nossa TV Sinal através do link www.tvsinal.com

Mas, infelizmente os problemas não são apenas pela falta de pagamento aos profissionais que já acumulam salários de três ou quatro meses. recebi informações que fiquei horrorizado após relatos e que no programa desta quarta-feira irei revelar com muita tristeza. Só posso adiantar que se faz necessário uma intervenção do Ministério Público e até mesmo do judiciário que venham nos defender de problemas bem maiores do que a falta de pontualidade no pagamento dos servidores. Lamentável a situação que chegou a saúde em nosso município.

Nenhum comentário:

Postar um comentário