quinta-feira, 16 de março de 2017

Saúde. Conheça as causas da Infecção urinária e previna-se!

Infecção urinária - Imagem Ilustrativa
da internet
Aparentemente simples, a doença pode levar a casos mais severos e comprometer os rins em estágio avançado. Especialista alerta para alguns sintomas da doença

Infecção urinária é a infecção bacteriana mais comum no ser humano. Essa doença, que surge tão facilmente entre os indivíduos, não causa tanta preocupação quanto deveria. A infecção urinária é um quadro infeccioso que pode ocorrer em qualquer parte do sistema urinário, como rins, bexiga, uretra e ureteres. É muito comum principalmente entre as mulheres de 20 a 40 anos e grávidas. Já os homens sofrem com a doença na infância e depois dos 55 anos.

A infecção urinária tem alguns sintomas bastante conhecidos como dor forte ao urinar; necessidade de urinar com frequência; urina escura ou com presença de sangue, dor
pélvica, entre outros. Mas, segundo o nefrologista da Fundação Pró-Rim, Dr. Arthur Ricardo Wendhausen, existem outras situações especiais que surgem e devem ser levadas em conta:

1.      Obesidade
2.      Segurar o xixi
3.      Intestino preso
4.      Cálculos renais

“Em todas as situações acima são consideradas condições propícias de proliferação bacteriana, o que propicia o quadro de infecção. Já em pacientes com cálculos renais, eles devem ser tratados com urgência para não ocorrer processo infeccioso”, explica o especialista.

Segundo Wendhausen, o aspecto da urina pode também trazer informações valiosas. “A urina turva e/ou avermelhada -pela presença de sangue -, causada por cálculo ou pelo próprio processo inflamatório é um alerta importante.

O médico alerta também que as mulheres são mais suscetíveis a infecção urinária. “Isso se dá pelas condições anatômicas da mulher. A uretra é mais curta e tem maior proximidade com vagina e com ânus”, explica.

Outros fatores que aumentam o risco nas mulheres são episódios prévios de cistite, o ato sexual, o uso de géis espermicidas, gestação, diabetes e a falta de higiene.

Para evitar a doença, o médico indica algumas medidas:
- Ingerir bastante líquidos;
- Urinar em intervalos de 2 a 3 horas
- Urinar sempre antes de deitar
- Evitar o uso de diafragma ou preservativos associados a espermicida
- Evitar banhos de espuma ou aditivos químicos na água do banho (para não modificar a flora vaginal)
- Tratar a constipação intestinal;
- Tratar casos de incontinência ou urgência miccional

“Tratar a infecção urinária de forma correta é de extrema importância. Com ações simples do dia a dia, geralmente é possível prevenir as infecções urinárias. Mas, no caso de qualquer sintoma, procure imediatamente um médico de sua confiança, para que possa indicar o tratamento correto”, conclui o médico.




Sobre a Fundação Pró-Rim (www.prorim.com.br): A Fundação Pró-Rim é uma entidade sem fins lucrativos com 30 anos de atuação. Realiza tratamento de doenças renais crônicas e possui unidades em Santa Catarina e Tocantins. Está entre as 8 instituições que mais realizam transplantes renais no país e foi a primeira unidade de hemodiálise de SC a receber o nível máximo de Qualidade da Organização Nacional de Acreditação (ONA). Pelo sétimo ano consecutivo foi eleita pela Revista Exame, como uma das 150 melhores empresas para se trabalhar no Brasil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário