quarta-feira, 5 de julho de 2017

Fortaleza é uma das três capitais nordestinas com o maior índice de violência contra a mulher

Com presença confirmada de Maria da Penha, workshop promovido pelo Instituto Avon na capital cearense, discutirá formas de integrar o trabalho no suporte às vítimas de violência  


Fortaleza, julho de 2017 – Em termos de violência física ao longo da vida, a capital cearense ocupa o terceiro lugar no ranking das cidades mais violentas do
Nordeste, atrás apenas de Salvador (Bahia) e Natal (Rio Grande do Norte), de acordo com dados da “Pesquisa Condições Socioeconômicas e Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher”, realizada com apoio do Instituto Avon pela Universidade Federal do Ceará, Institute for Advanced Study in Toulouse e o Instituto Maria da Penha.


Além disso, a mesma pesquisa mostrou que 28,6% das mulheres em Fortaleza alegam ter sofrido algum tipo de violência doméstica com incidência considerável. Dos casos registrados de abril a novembro de 2016 na Defensoria Pública do Estado, pelo menos 78,8% tiveram de ser resolvidos com medidas protetivas, sancionadas por funcionários públicos.

Com o objetivo de tornar o trabalho desses servidores mais eficiente e desenvolver um trabalho conjunto no suporte às vítimas de violência doméstica, o Instituto Avon, em parceria com a ONG norte-americana de direitos humanos Vital Voices, realiza a terceira edição do 2º Workshop Internacional de Acesso à Justiça do Programa “Respostas Eficazes à Violência Contra as Mulheres”, em Fortaleza, no Ceará, entre os dias 10 e 12 de julho.

O evento reunirá agentes públicos, policiais, membros do Ministério Público, das Defensorias Públicas, magistrados federais e estaduais, psicólogos, assistentes sociais e representantes de organizações sociais, bem como de órgãos governamentais que atuam na defesa das mulheres.

A principal ideia do evento é oferecer um treinamento multidisciplinar focado no enfrentamento coordenado às violências doméstica e sexual. No workshop, serão conduzidos debates a fim de desenvolver e aprimorar estratégias e planos de ação coordenados para superar os desafios enfrentados na denúncia, investigação e resolutividade de casos de violência doméstica no Brasil. O programa se baseia num modelo usado para treinar juízes, promotores, policiais e organizações da sociedade civil nos Estados Unidos, já adaptado para o uso em diversos contextos brasileiros.

Partindo de uma abordagem focada nos direitos humanos, os participantes serão estimulados a aprimorar seus conhecimentos sobre as necessidades e segurança das vítimas. Os especialistas responsáveis pelo treinamento são promotores(as) experientes e especializados que trabalham, pessoalmente, em centenas de casos de violência doméstica e sexual.
Este ano, a primeira edição do 2º Workshop Internacional de Acesso à Justiça já foi realizado em Brasília, no Distrito Federal e a segunda em São Paulo. O workshop já treinou cerca de 100 profissionais nas duas edições anteriores e em Fortaleza a meta é atingir, pelo menos, mais 50 pessoas.

Vital Voices já realizou este workshop na República dos Camarões (com foco em tráfico de pessoas), na África do Sul (com foco em violência sexual), no Nepal e no México (com foco em violência doméstica), entre outros locais, sempre por meio de parceria público-privada com a Avon Foundation for Women e com o Departamento de Estado dos Estados Unidos da América (EUA).

INSTITUTO AVON

Criado há 14 anos, o Instituto Avon é uma organização ligada a AVON, empresa privada que mais investe financeiramente em ações voltadas à mulher no Brasil. Até dezembro/2016, foram investidos pela Avon R$ 137 milhões em 257 projetos e ações focados na superação de dois dos principais desafios à plena realização da mulher: a detecção precoce do câncer de mama e o enfrentamento à violência contra a mulher.

O grande diferencial do Instituto é a capacidade de mobilizar diferentes stakeholders para a concretização de seus projetos: empresas públicas e privadas, organizações da sociedade civil, movimento social, organismos internacionais e órgãos públicos em todas as esferas; e a força de vendas da empresa de cosméticos Avon, com 1,5 milhão de Revendedores que disseminam conhecimento sobre as causas e atuam como rastreadores de necessidades específicas de atendimento e recursos em suas respectivas comunidades. Essa capilaridade e abrangência permitem ao Instituto estar presente em 100% dos municípios brasileiros e beneficiar mais de 5 milhões de pessoas.

VITAL VOICES
Vital Voices é uma destacada organização da sociedade civil que identifica, treina e fortalece líderes femininas e empresárias sociais em todo o mundo, capacitando-as a criar um mundo melhor. O departamento de Direitos Humanos da Vital Voices tem como foco o combate à violência contra as mulheres em suas formas mais cruéis: tráfico de pessoas, violência doméstica, violência sexual, e práticas tradicionais nocivas.

A Vital Voices articulou uma rede internacional de líderes e estabeleceu um histórico de sucesso na implementação de treinamentos multidisciplinares para operadores da justiça criminal, inclusive treinamentos sobre o tráfico de pessoas na República de Camarões e Uganda, e sobre a violência com base em gênero no Brasil, México e Nepal.
MOMENTO IMPRENSA
Participação da convidada especial Maria da Penha
Fortaleza / Ceará - 2º Workshop Internacional de Acesso à Justiça
Data: 12 de julho de 2017
Horário das: 10h às 12h
Local: Luzeiros Hotel - Avenida Beira Mar, 2600 - Meireles, Fortaleza


ASSESSORIA DE IMPRENSA
SOKO
Fabiane Abel - fabiane@soko.cx
(11) 9 4283-5973

Sophia Cury - sophia.cury@soko.cx
(11) 9 9974-1339

Nenhum comentário:

Postar um comentário