quarta-feira, 11 de outubro de 2017

Hoje é dia de bate-papo com os artistas do Aracati

A Prefeitura do Aracati, por meio da Secretaria de Turismo e Cultura, realiza no final da tarde desta quarta-feira (11) um bate-papo com os ativistas culturais da cidade. O encontro está marcado para 17h30 no
Salão Nobre do Paço da Liberdade (sede da Prefeitura, localizada na Avenida Dragão do Mar, 230).

São esperados os artistas das artes cênicas, artes plásticas, literatos, carnavalescos, músicos, militantes do ramo do patrimônio histórico e cultural, artesãos, grupos folclóricos e de cultura popular. “Hoje vai ser o primeiro contato com os agentes culturais, aonde pretendemos escutar e dar um primeiro passo no planejamento das ações que vamos realizar nos próximos três anos. É importante esse contato para que as prioridades das mais diversas manifestações artísticas e culturais sejam definidas. Também falaremos sobre uma linha de fomento e financiamento para a produção artística que o prefeito quer criar”, informa Denise Pontes, secretária de Turismo e Cultura do Aracati.

No bate-papo de hoje, bem ao estilo das rodas de conversa que o prefeito Bismarck Maia tem realizado pela cidade, com palavra franqueada a todos, alguns pontos de pauta serão sugeridos pelo poder público, como a nova linha de fomento e apoio financeiro à produção cultural no município, que está sendo gestada pelo prefeito para envio ao poder legislativo, a reestruturação do Conselho Municipal de Cultura, a definição conjunta pelos participantes de uma data para realização da Conferência Municipal de Cultura, além de importantes informes sobre a reinauguração do teatro e sobre a Banda Municipal Jacques Klein que teve ontem o seu resultado preliminar de seleção publicado no site da prefeitura.

A secretária de Turismo e Cultura destaca que possivelmente, ainda hoje, antes da reunião, a Prefeitura e o Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) consigam bater o martelo sobre a data de reinauguração do Teatro Francisca Clotilde. “O teatro é, de fato, um patrimônio da cidade, um espaço aonde pretendemos, de forma democrática, abrir uma programação que englobe não apenas apresentações, mas que se torne um ponto de encontro, de discussões e de realizações artísticas, e fico feliz que já estejamos em fase final de obras para que ele comece a efetivamente funcionar”, destaca Denise Pontes.

Fonte: ASCOM PMA

Nenhum comentário:

Postar um comentário