quarta-feira, 25 de outubro de 2017

Prefeito de Aracati lança Nota de Esclarecimento

Ontem 24/10/2017, após as 14h, enquanto eu estava em Aracati no evento público de entrega dos novos fardamentos escolares, 1 (uma) loja da CLARO em Fortaleza habilitou para um criminoso, um novo chip da minha linha móvel particular que utilizo há mais de 10 anos.

Após o evento supracitado, já por
volta das 14:30, verifiquei que meu aparelho de celular estava "sem serviço". Pensando que fosse alguma inconformidade de sinal da CLARO em Aracati, resolvi aguardar o reestabelecimento do mesmo.

Contudo, a partir das 20h, tomei conhecimento que aqueles criminosos em posse do novo chip, passaram a utilizar minha linha e minha conta do aplicativo Whatsapp, para prática de delitos, enganando e encaminhando links com vírus para meus contatos, familiares, amigos, autoridades, contatos profissionais e pessoas de bem do Aracati, cujos relatos desses indicam terem acontecido a partir das 14h desta mesma terça-feira. Causaram constrangimentos morais e prejuízos financeiros para mim e terceiros.

De imediato,  conseguimos cancelar a linha móvel e fizemos um Boletim de Ocorrencia no site da Policia Civil do Ceara. Porém, mesmo após diversos contatos com a CLARO por meio do tele atendimento (1052), ouvidoria e lojas físicas, todos os representantes da Claro se recusaram a tomar providências que pudessem interromper uso do aplicativo pelos criminosos.

Esses criminosos, utilizando-se do novo chip, reconfiguraram as confirmações de segurança do aplicativo Whatsapp, fazendo-a em duas etapas,  com um e-mail desconhecido.

Até este momento, hoje, diante da ineficiência e descaso da CLARO, não conseguimos resgatar a conta do WhatsApp, e não sei quando e se isso será possível.

Sinto muito pelos inconvenientes causados aos amigos, financeiros e morais, provocados somente por esses criminosos e cúmplices. Estamos tomando todas as necessárias e competentes providências jurídicas, visando identificar criminosos e cúmplices, bem como responsabilizar civil e criminalmente pelos prejuízos financeiros, morais e danos de toda ordem causados àqueles e aquelas que de boa-fé creram estarem falando com minha pessoa.

Lamentável constatar  que este crime vem acontecendo de forma recorrente aos brasileiros, notadamente a figuras públicas.
Obrigado.

Bismarck Pinheiro Maia
Aracati, 25/10/2017

Nenhum comentário:

Postar um comentário