segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

Secretaria de Saúde e APADA realizam ação de conscientização contra abandono de animais

A Associação de Proteção aos Animais de Aracati (APADA) e a Secretaria Municipal de Sáude do Aracati realizam na manhã desta segunda-feira (15) nos Esteves, vilarejo onde se concentra os chamados nativo que integram o complexo de Canoa
Quebrada, uma ação coordenada de medicações e orientação em relação ao abandono de animais domésticos, seu perigos, consequências do ponto de vista da saúde pública, e os agravantes legais.
SMS e APADA em ação conjunta
A iniciativa é parte de uma campanha continuada pela posse responsável em todo o município do Aracati, que está se iniciando por Canoa Quebrada onde, nessa época, se verifica um grande fluxo de turistas. Não existe levantamento preciso sobre a quantidade de animais errantes no Aracati. Na chamada sede urbana do Aracati, e principalmente nas praias de Canoa Quebrada, Majorlândia e Quixaba, são comuns cães e gatos perambulando nas ruas, calçadões e praias. O mesmo acontece na zona rural, e nas localidades popularmente conhecidas como “interior”, onde além de pequenos animais domésticos há jumentos abandonados, um grave problema que tem se espalhado por todo o Nordeste brasileiro.
O problema é crescente e tem consequências para as próprias pessoas, uma vez que os bichos abandonados e sem os cuidados necessários transformam-se em focos de transmissão de zoonoses como calazar, raiva, sarna, toxoplasmose e bicho geográfico.
Essencial manter cães vacinados e vermifugados
O abandono ocorre porque as pessoas não procuram se informar devidamente antes de levar o animal para casa. Quando ele cresce ou procria, os donos simplesmente desistem de criá-los, jogando-os nas ruas e transferindo o problema para toda a sociedade. O abandono torna-se um problema social, de saúde pública. A sociedade precisa se conscientizar que ao decidir criar um animal, deve ser por toda a vida deles.

Fonte: ASCOM Prefeitura do Aracati

Nenhum comentário:

Postar um comentário