quarta-feira, 28 de fevereiro de 2018

Anac anuncia mudanças na legislação de charteres domésticos a partir de março

A partir de 25 de março entra em vigor uma portaria da Anac que tem como objetivo facilitar e incentivar a política de charteres domésticos no país. A novidade foi anunciada por Ricardo Botelho, diretor-presidente da Anac durante Fórum de Turismo, organizado pelo O Globo, no Rio de Janeiro. A partir
de agora as empresas que operam charteres não precisam mais fazer uma solicitação a Anac. Basta fazer uma consulta aos aeroportos onde desejam operar e, em caso de autorização, poderão operar normalmente, adiantou.

Segundo o dirigente, a medida faz parte de um conjunto de ações para fomentar o turismo no país. Em relação ao balanço sobre a nova política das empresas aéreas de cobrança de bagagens, o dirigente confirmou que apenas 1,24% de um total de 90 milhões de passageiros se referiam a reclamações. De qualquer modo estamos sempre avaliando os impactos para o passageiro e junto ao mercado para os ajustes necessários confirmou.

O presidente da Anac participou de uma painel sobre Conectividade Aérea onde defendeu a vinda de empresas low cost para o Brasil a fim de aumentar a concorrência e a o programa de concessão dos aeroportos que já recebeu R$ 13 bilhões de investimentos devendo receber mais R$ 6 bilhões nos próximos anos. Guilherme Paulus defendeu mais investimentos no setor enquando Eduardo Sanovicz, presidente da Abear destacou os avanços da aviação no país na última década.

Fonte: Mercado e Eventos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário