terça-feira, 26 de fevereiro de 2019

Fortaleza e Aracati registraram as maiores chuvas das últimas 72 horas com 120.3 mm e 114.0 mm respectivamente.

RUA GRANDE - Foto internet
Foi a maior chuva registrada em Aracati nos últimos anos. Segundo a Funceme, o município já tinha registrado chuvas acima da média histórica para o mês de
fevereiro e com essa de 114 mm, a cidade litorânea ultrapassou e muito a média histórica do mês. 

RUA CÔNEGO JOÃO PAULO
Choveu em Aracati durante toda a madrugada da ultima sexta-feira dia 22, e parte do sábado,inclusive dando uma esfriada na festa para escolha do rei e rainha do carnaval 2019 em Aracati, entretanto, foi na madrugada de domingo que a forte chuva caiu em todo o município e com ela causando muitos transtornos tanto na sede quanto nas localidades interioranas.

PATIO DA GUARDA MUNICIPAL
Em todos os bairros o que se via eram pessoas reclamando da falta de estrutura na cidade. Não existe um sistema de drenagem para um rápido escoamento das águas das chuvas.
AV. CEL ALEXANZITO
Após a cheia de 1984, foi construído o dique de proteção contra as águas que chegavam do vale jaguaribano, porém, deu início aos períodos de "enchentes internas", ou seja; as águas que caem dentro da cidade demora a escoar da parte interna (ruas e bairros inteiros), e mesmo ao redor do dique pelo lado de 'dentro' da cidade, próximo das bombas que jogam as águas para o lado do rio Jaguaribe, quase que tradicionalmente tem trabalhado com precariedade a cada quadra invernosa. A cidade foi construída dentro de uma grande "bacia" e assim, a sede do município de Aracati fica muito abaixo do nível do mar.

EROSÃO NO CALÇADÃO DE CANOA QUEBRADA
Lagoas naturais de captação de águas pluviais foram aterradas para construção imobiliária

Esse tem sido um problema sério na cidade. Construções, muitas vezes irregulares, sem um estudo técnico aprofundado, tem deixado algumas áreas principalmente nas periferias totalmente desprotegidas da ausência da captação das águas das chuvas, e assim acumulando por dias, o que se chama de "enormes lagoas" nas ruas, avenidas e principalmente no centro da cidade, pois não tendo para onde escorrer, as águas se acumulam por toda a cidade, inclusive, adentrando a maioria das residencias

FOTOS: recebidas via whatsapp 

Nenhum comentário:

Postar um comentário