segunda-feira, 11 de fevereiro de 2019

O que se sabe até agora sobre queda do helicóptero que matou Ricardo Boechat

Felipe Branco Cruz. Do UOL, em São Paulo em 11/02/2019 15h06
O jornalista da Band Ricardo Boechat, de 66 anos, morreu em um acidente de helicóptero nesta segunda-feira (11), na
Rodovia Anhanguera, em São Paulo. A confirmação foi feita pelo apresentador José Luis Datena na Band


Pai de seis filhos, Ricardo Boechat começou no jornalismo na década de 1970. Ele era casado pela segunda vez com Veruska Seibel, de 46 anos, desde 2005, e tinha duas filhas com ela: Valentina, 12, e Catarina, 10. Ele deixa outros quatro filhos: Bia, 40, Rafael, 38, Paula, 36, e Patricia, 29, frutos do casamento com Claudia Costa de Andrade.

Como foi o acidente:

O helicóptero caiu sobre um caminhão por volta do meio-dia, logo abaixo do quilômetro 7 do viaduto do Rodoanel, no sentido rodovia Castelo Branco, próximo de um pedágio, na Grande São Paulo. 
Ricardo Boechat voltava de uma palestra em Campinas, no interior do estado. "Jamais achei que daria esta notícia...É um momento muito triste para o grupo Bandeirantes", lamentou José Luiz Datena, que informou que o apresentador do Jornal da Band estava em Campinas. "O helicóptero que ele estava não chegou ao seu destino que era o heliponto da Band. Caiu no Rodoanel", afirmou.

Datena comunica morte de Ricardo Boechat. Band Notí­cias

Há outras vítimas?

O piloto da aeronave também morreu, de acordo com o Corpo de Bombeiros.
O motorista do caminhão foi socorrido pela CCR, concessionária da rodovia, com ferimentos leves, segundo o porta-voz dos bombeiros, o capitão Marcos Palumbo. Dez viaturas foram enviadas para o local e o fogo já foi extinto.
Qual era o modelo do helicóptero?

O helicóptero de modelo Bell e prefixo PT-HPG pertence a empresa RQ Serviços Aéreos Especializados, segundo informações encontradas no sistema da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil). Trata-se de um helicóptero com motor turboeixo, com 1,2 tonelada, com ano de fabricação de 1975.

Ainda segundo informações da Anac, a situação de aeronavegabilidade era normal ou seja, teve condição técnica apta ao voo atestada e aprovada.
Foto: Folha de São Paulo

Haverá uma investigação?


A Força Aérea Brasileira já abriu investigação para apurar as causas do acidente de helicóptero. "Investigadores do Quarto Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (SERIPA IV), órgão regional do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (CENIPA), realizam a Ação Inicial da ocorrência envolvendo a aeronave de matrícula PT-HPG, que aconteceu nesta segunda-feira (11/02), em São Paulo (SP).

Como a notícia foi repercutida?

A Band deu a notícia por meio de José Luis Datena. A emissora aguardou para noticiar a morte do jornalista em respeito à família.

Muitos colegas, políticos e famosos se manifestaram nas redes sociais, incluindo o presidente Jair Bolsonaro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário